Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Novembro 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


Do Blog " Silence Voice" de Celeste, uma transmontana de Chaves que gosta do nosso Blog

por cunha ribeiro, Quinta-feira, 15.11.12
  •  
  •   Árvore decepada
  •  Quando uma árvore adoece,
  • ninguém pensa que lhe faltou água, luz ou sol, 
  • solo fértil ou arenoso
  • ou um ombro amigo doutra árvore sobranceira…
  •  
  • Diz-se antes que a qualidade saiu fraca, não vingou, 
  • e que se não voltam a plantar árvores de semelhante qualidade…
  •  
  • (Ainda por cima nem fruto dava,
  • de pouco ou nada servia,
  • pouco valia,
  • nada rendia…
  •  
  • Árvore de dar sombra…
  • Árvore de tirar sol…)
  •  
  • Então
  • abate-se, simplesmente, 
  • com um único e dilacerante golpe mortal.
  • Rapidamente.
  •  
  • “É boa para queimar,
  • e as raízes servirão para fazer uma fogueira enorme na noite de Natal.”
  •  
  • Talvez se venda a lenha, quem sabe?
  •  
  • Ou talvez nem para isso dê, se estiver oca.
  •  
  • Mas, depois,
  • (coisa esquisita!)
  • dá-se conta que as raízes continuam vivas,
  • bem vivas,
  • (como pode?!)
  • e pensa-se melhor no que terá acontecido a esta árvore que adoeceu…
  •  
  • Ou então não se pensa simplesmente em nada…
  •  
  • Seja como for, esta árvore, outrora doente,
  • não passa agora duma árvore 
  • decepada.
  •  
  • De árvore já não tem nada.
  • De árvore já não é nada.
  • Pode ser tronco, ramos;
  • pode ser raíz.
  • Pode ser lenha.
  • Pode até ser ex-sombra.
  •  
  • Mas deixou de ser árvore.Para sempre.
  •  
  • E para sempre é tempo demasiado.
  • Até mesmo para uma árvore.
 
 
 

Celeste

13 Nov. 2012

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 23:44

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net

2 comentários

De agostinhorodrigues13 a 16.11.2012 às 11:32

Parabéns pelo bonito poema. Quem assim escreve não é gaga. Muitas felicidades e ficamos à espera de mais.

De cunha ribeiro a 16.11.2012 às 11:56


Amigo Agostinho,

De facto esta senhora não é a cantora GAGA ( KKKKKK), é alguém que tem mais conteúdo do que ela.

Comentar post



Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg