Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .



página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


PESSOAS DA NOSSA MEMÓRIA - A MADRE EMILINHA

por cunha ribeiro, Sábado, 08.05.10

A Madre Emilinha, irmã do Sr Manuelzinho, deverá ser a única freira natural da nossa aldeia, desde que Parada existe no mapa.

 Conheci-a razoavelmente porque era visita lá de casa. Tinha uma voz fina, um rosto branco e oval. Sempre vestida com o seu hábito azul.

 Gostava muito da minha mãe. E a razão devia ser mais ou menos esta: a minha mãe desfazia-se em vontades com a Sra. Ia com ela a Telões, a pé,  visitar alguém que ela estimava da família dos Machados. Sempre que  deixava a sua família religiosa de S. Cosmado ou Godim e vinha até à aldeia natal, a minha mãe enchia-lhe  uma tejela de leite que ela migava com muito pão, e que a deixava refastelada e feliz.

E não contente com o tratamento submisso e respeitoso da minha mãe, a Madre Emilinha  "obrigava" os filhos da sua fiel companheira de aldeia a tratá-la por "Menina Emilinha" .

A mim, esta exigência  era-me muito penosa. Estava habituado a ouvir chamar-lhe "senhora Emilinha", e era assim que eu a conseguiria tratar se tivesse que falar com ela. Só que, perante a dificuldade, ladeava o problema não falando directamente com ela.

Lembro-me o meu pai aproveitar o óptimo relacionamento da esposa com a Freira Emilinha, sugerindo-lhe que a influenciasse ceder gratuitamente uma horta que havia no largo de ao pé da capela, em frente à casa da Tia Emília Pires.

A verdade é que a freira lá doou a horta ao povo, e agora está lá um largo que se pode ver, o qual  só existe, tal como está, graças a essa cedência.

Julgo que também deu bastante dinheiro para a edificação da capela. Mas isso são contas que, infelizmente, estão fora do meu rosário. E digo "infelizmente" apenas por isto: A capela foi a obra mais importante que se fez em Parada desde há, pelo menos, cinquenta anos. E é pena que não possamos gravar para memória futura todos os factos relacionados com a sua edificação.

Este Blog seria certamente um sítio privilegiado para esse registo e divulgação.

Queiramos ou não, esta Senhora, que terá falecido há cerca de uma década ( ou mais), faz parte da história da nossa aldeia. E deve ser lembrada, com todo o respeito e com a estima e consideração que merece quem deu do que era seu à sua terra.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:54

O COSTA E O ZÉ

por cunha ribeiro, Sábado, 08.05.10

 

O Costa e o Zé são duas personagens típicas portuguesas.

Porém, a única característica que têm em comum é a vontade de vencer a qualquer preço.

Quanto ao mais, são só diferenças a distingui-los.

Ora vejamos:

O Costa não se importa de aparecer ao lado das namoradas, mesmo que tenham currículo de Cabaret; o Zé importa-se, ou simplesmente não tem namoradas.

O Costa não faz footing em lado nenhum, talvez por ter vergonha de mostrar as canetas; O Zé, sempre que vai ao estrangeiro, é fotografado , de canetas ao léu, a fazer o footing da praxe.

O  Costa , se quer corromper alguém, por exemplo um  árbitro, chama-o  a casa  e corrompe-o; o Zé tem sempre alguém, muito solícito, a fazê-lo por ele.

O  Costa expressa o seu pensamento  com ironia; O Zé não tem pensamento para poder expressar.

O  Costa manda sozinho, em equipa;  o Zé  manda ,em equipa, sozinho.

O Costa não tem curso superior porque aos domingos vai sempre à missa; o Zé, esse,  tem um curso superior  tirado ao domingo.

O Costa é Costa e não Zé;  o Zé é Zé e não Costa.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 18:46

OPINIÃO, AGOSTINHO RODRIGUES

por cunha ribeiro, Sábado, 08.05.10

 

O texto seguinte foi-nos remetido, via EMAIL, pelo nosso conterrâneo e amigo, Agostinho Rodrigues. Julgo que foi escrito após as últimas legislativas, algum tempo depois delas, já com um Sócrates mais comedido e envernizado.

Eis o texto como me foi enviado na íntegra:

 

Mais uma vez o Poder da Governação do País, ficou nas mãos do Partido Socialista. Pergunto: Até quando o Povo Português aguenta com esta fachada toda. Será que já não há gente de bem neste Portugal? Será que os tubarões estão todos feitos uns com os outros? Será que aquele palavreado todo e os insultos que dirigem uns aos outros na Assembleia da República, é só poeira para enganar o ZÉ POVINHO? Dá-me a impressão que sim. O Partido Socialista, embora menos arrogante do que no mandato anterior, mas mesmo assim, não deixa de impor a sua atitude autoritária, querendo fazer ver que são os melhores em tudo e de todos. O P.S.D., embora querendo demonstrar perante os eleitores que são os melhores mas, infelizmente andam com a casa desarrumada, porque tem três ou quatro facções e, enquanto assim pensar, nunca mais lá chegam. O C. D. S.-P.P. Com o Senhor Paulo Portas a falar sem papas na língua é verdade, mas está muito aquém de chegar ao seu objectivo nestes próximos anos. O B. E., na pessoa do senhor Louça, anda todo maravilhado com os resultados que obteve nas eleições dos seus deputados e, por isso quer enfrentar o primeiro-ministro Sócrates. É um bom comunicador e divulgador da palavra mas ainda tem muito que pedalar para o seu lugar conquistar. O P.C.P. Antes e depois do 25 de Abril, sempre a debater as conquistas dos trabalhadores. Sempre a lutar em favor dos trabalhadores, dizem eles e, de facto é verdade – mas, é só para aqueles que são da cor deles e que tenham o respectivo cartão para ser bem identificados não vá o diabo tecelãs. Meus Senhores, Minhas Senhoras e ZÉS PAGANTES desta chularia toda. Enquanto andarmos assim divididos não tenhamos dúvidas que estes senhores oportunistas cada vez mais se aproveitam da fraqueza das pessoas para atingir os seus objectivos que são o viver à larga e à francesa à custa do orçamento do Zé-povinho. Se queremos mudança a sério, nas próximas eleições é não ficar em casa e irmos todos cumprir com o nosso dever de cidadão para assim se chegar a uma conclusão definitiva. Digo isto porquê? Porque mais de 60 por cento das pessoas é, deixa andar e, enquanto assim pensarem não se sai deste imbróglio. Votem minhas senhoras e meus senhores. Não se esqueçam que também têm responsabilidades na vida do País.

Minhas senhoras, meus senhores. Vejam se eu tenho razão ou não. Como sabem, o partido Socialista, ganhou as eleições, embora com minoria relativa não é verdade? Mas vejam lá se o P.S.D. e o C.D.S. não lhe estão a fazer o jeito para que o orçamento passe e seja aprovado. Andam sempre a dizer mal uns dos outros, mas todos querem o mesmo. É que ter o tachinho certo ao fim do mês e certas mordomias e regalias sem fazer nenhum e serem muito importantes na sociedade intelectual é muito bom… Não acham!..

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 18:35

DETECTOR DE MENTIRAS

por cunha ribeiro, Sábado, 08.05.10

 

A notícia que corre é que Sócrates não queria ser Primeiro Ministro. Tê-lo-á dito lá pela  França. Ó SILVA! Ouviste  aí pelas tuas bandas o disparate em directo, e na língua de Victor Hugo?.

( O SILVA para quem não sabe é um comentador, ou comentadora, que nos vai acompanhando com muito carinho, e de quem eu gosto especialmente).

Você, caro leitor, acredita mesmo que Sócrates não quisesse ser primeirto ministro?

Se Napoleão ( passe o exagero da comparação) dissesse a alguém que nunca quis ser imperador, você, leitor amigo, acreditava?

E o Rei-Sol, nunca terá desejado a cadeira do Trono?

Bem, eu confesso que não acredito no que Sócrates disse em França, aos estudantes portugueses que fizeram o favor de o ouvir. Aliás,diria até que, se isto é verdade, então o Zézé Camarinha é homossexual.

 

Tragam mas é o detector de mentiras  ( o polígrafo) e liguem-no a Sócrates repetindo a pergunta, a ver se a verdade vem à superfície.

Mas não lhe perguntem nada sobre aquilo do Free...porto, ou lá que é...

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 00:51

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds