Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Setembro 2010

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


Este comentário de João Queiroga merece destaque

por cunha ribeiro, Domingo, 12.09.10

 Eis mais um comentário que acrescenta algo mais àquilo que eu disse. Com comentários assim, o texto que o suscita fica mais completo, mais rico de conteúdo, mais informativo.

 João Queiroga, que tem reminiscências interessantes da história da nossa aldeia, colabora desta maneira para que um dia os nossos netos possam lembrar-se que havia no século XX, em Parada, um piloto aviador da família do Ti Zé de Parada que cometia a proeza de vir à sua aldeia natal fazer acrobacias aéreas para gáudio dos seus conterrâneos.

 Por tudo isto o nosso obrigado, caro João Queiroga.

 

Eis o seu comentário:

 

Comentário:


O AVIADOR DE PARADA, que eu não conheci pessoalmente, era um mito da minha infância e juventude, pelas façanhas que então se contavam das suas acrobacias sobre os céus de Parada!... Para este mito muito teria contribuído aquela famosa peripécia, que eu ouvi contada e nunca desmentida de, numa das suas visitas, num golpe de asa em vôo rasante sobre gentes da terra em trabalhos agrícolas, ter raspado em ramagem de videira que levou consigo presa à asa, no vôo de regresso à base!... Se isto não foi verdade, por favor não o desmintam porque o mito, como todos os mitos, é feito destas proezas!... Abraço João Queiroga

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 22:38

Obrigado Henrique Burney, agora também percebo as convicções de Emídio Rangel...

por cunha ribeiro, Domingo, 12.09.10

 

 
Domingo, 12 de Setembro de 2010
 
 

Isto da idade tem destas coisas, dá alguma ignorância. Eu sabia lá que o Emídio Rangel tinha sido candidato do PS ao Parlamento Europeu em 1989. Foi, em 23º lugar na lista.

Sendo facto público, não tem isto nada de vergonhoso ou, do meu lado, de delação. É mesmo curiosidade. E ignorância assumida. Bom, e ajuda a entender algumas posições, claro (no caso de não se saber já, entenda-se).

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 19:45

"Novas Oportunidades " Para isto?

por cunha ribeiro, Domingo, 12.09.10

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 19:03

Angústia até entrar

por cunha ribeiro, Domingo, 12.09.10

 

Poderá parecer a quem não me conhece que o que vai surgir a seguir é "auto-elogio barato".

Ora, muito  embora eu possa correr esse risco, não vou deixar de publicar no blog da nossa terra um texto que o João Pedro ( "Juka" para os amigos ) me pediu para publicar.

Claro que há alguma vaidade não só no pedido, como no meu assentimento. Mas quem de entre os leitores deste Blog não é intrinsecamente vaidoso?

Todos somos vaidosos. Uns, porém, fecham a vaidade que têm, dentro de si, com vergonha de a revelarem; outros, deixam-na exprimir-se, abrindo-lhe as portas, sem grandes rodeios.

Se analisarmos o fenómeno a fundo, qual dos dois tipos de personalidade é a mais correcta?

Eu muito sinceramente inclino-me para o segundo.

Porquê?

Porque as pessoas vaidosas que não disfarçam a sua vaidade são a meu ver muito mais genuínas, ou sinceras que as que também são vaidosas mas tentam esconder essa vaidade. E o problema é que quanto mais escondem mais se nota aquilo que escondem. Um pouco como quem tenta disfarçar o cheiro a sovaco com um perfume de super-mercado, produzindo sem querer um cheiro ainda mais pestilento.

 

Mas há outra razão para a publicação do dito texto: trata-se do relato de uma experiência de vida que pode ser benéfica para quem aprecia os meandros da psicologia, e mesmo da sociologia. Nos outros podemos ver-nos a nós. E o que vem a seguir poderá ser aquilo que algum dos leitores ( ou leitoras) também jásentiu, ou poderá vir a sentir.

 

Eis o texto que o João Pedro escreveu, antes de saber que iria entrar em Medicina, numa das Universidades onde a média de entrada é mais alta, ( no Porto).

O texto é a reprodução fiel dos sentimentos do seu autor, na sua própria escrita:


 

" Foram os dias mais complicados e desgastantes da minha vida. Acordar todos os dias exageradamente cedo, transportes pra lá e pra cá, exercícios de biologia num lado, exercícios de física no outro. Monentos árduos...Mas que significaram muito para mim... Era o sonho de uma vida...E o desejo de algumas pessoas que me são muito queridas. Poder-lhes dar esta alegria, era a minha maior vontade desde que me convenci que eles tinham razão em que eu escolhesse este curso.

Mas como não queria escorregar... Nos últimos tempos, houve momentos em que estive à beira do desânimo... Em que senti um misto de revolta, frustração e desnorte...Pois sentia que estava tão perto de alcançar este objectivo, mas ao mesmo tempo tão longe...

graças a Deus, tive sempre as pessoas que mais significam para mim a meu lado. O meu pai, a minha mãe, o meu irmão, os meus avós, os meus amigos, alguns dos meus tios, e mesmo aqueles familiares de quem gosto e que já cá não estão.

Sinto-me muito feliz por tê-los feito felizes também a eles. Vou estar-lhes eternamente grato por isso.

Hoje, dia 11 de Outubro de 2010, data fatídica para a América, foi, por ironia do destino, o dia mais feliz da minha vida. Aquela ansiedade que senti até ao último segundo valeu afinal a pena. Assim como valeu a pena o esforço terrível que fiz nestes anos de ensino básico e secundário para chegar ao ponto em que estou.

Finalmente chegou o dia em que posso dizer, sem medo de errar, a frase que eu mais gosto de citar nos momentos mais difíceis da minha existência, e que é:

 

" YES I CAN!" ( Sim, eu consigo!).

 

 

João Pedro Rodrigues Marques da Cunha Ribeiro

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 13:31

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds