Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Fevereiro 2011

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


Santos Silva foi a Belém. Levou tau-tau no rabinho. E ficou muito mansinho.

por cunha ribeiro, Terça-feira, 08.02.11

 

 

 

 

Santos Silva

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 23:58

Sabia contar histórias. Agora sabe contar... dinheiro.

por cunha ribeiro, Terça-feira, 08.02.11

o próximo ano lectivo, o custo por aluno na escola pública será de cerca de 3300 euros por ano, enquanto neste ano é de 3735 euros, anunciou Isabel Alçada.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 19:47

Perdeu o medo, ou foi só a vergonha?

por cunha ribeiro, Terça-feira, 08.02.11


Presidente da República vetou esta terça-feira o diploma do Governo sobre prescrição de medicamentos que permite que a prescrição  da marca do medicamento pelo médico seja substituída pelo farmacêutico

O Presidente da República vetou esta terça-feira o diploma do Governo sobre prescrição de medicamentos

 

Presidente manda para trás diploma do Governo

Cavaco veta possível mudança de remédios por farmacêuticos

O Presidente da República vetou esta terça-feira o diploma do Governo sobre prescrição de medicamentos que permite que a prescrição da marca do medicamento pelo médico seja substituída pelo farmacêutico, quer por medicamentos genéricos, quer por outro essencialmente similar.


Autoria e outros dados (tags, etc)

às 19:40

Exmo Senhor

por cunha ribeiro, Terça-feira, 08.02.11

 

«Senhor Primeiro Ministro,Engenheiro José Sócrates Carvalho Pinto de Sousa

Excelência.
Tem Vossa Excelência apenas mais um ano de idade do que eu. Permita-me noentanto que lhe diga que não tem a minha idade, no sentido de que não somos damesma geração e não é pela diferença de calendário.

Em 1974 aderi ao Partido Socialista, fui secretário da Juventude Socialista doEstoril e nesta qualidade passei as estopinhas para que ideias, políticassociais, fossem implementadas pelo Partido Socialista.

Quando Francisco Pinto Balsemão desistiu do "Jornal de Cascais" eu fundei umoutro jornal, em Cascais, chamado "Boca do Inferno". Aldo Moro tinha sidoassassinado. Lembro-me de ter escrito sobre isso, de atribuir a culpa ao PCI. Ojornal era um manifesto anti-comunista. Custou-me dezasseis contos o primeironúmero de só dois (fiquei teso e o Senhor meu Pai não era o Pai Natal masquase). Já lá vão 34 anos mas sou o mesmo. Contei com o nobre apoio de AntónioGuterres (UM SENHOR!) - Vossa Excelência já ouviu falar ? - e José Luís Nunes(OUTRO SENHOR!) - Vossa Excelência já ouviu falar ? com quem privei (este últimoinfelizmente partiu).
De António Lopes-Cardoso e Manuel Poppe Lopes-Cardoso (a quem desejo uma rápidarecuperação e vê-lo em breve). Theutónio-Pereira e outros, como dizia Pessoa, dequem me não quero esquecer porque não me lembro.

Nestas andanças, Senhor Primeiro-Ministro, nunca o vi.
Afinal, onde estava Vossa Excelência no 25 de Abril ?Na FAUL (Federação da Área Urbana de Lisboa do PS, rua do Alecrim) nem em nenhumoutro lado, vi Vossa Excelência. Vossa Excelência era provavelmente, ainda, umbebé. Nem no comício da fonte luminosa em que estive a fazer segurança a MárioSoares, armado até aos dentes com G3, entregues pelo CIAC (de Cascais), armasgeridas pelo Sr. Botelho, piloto da barra, primo do José Manuel Casqueiro da CAP(Confederação dos Agricultores Portugueses), gente boa. Dispostos a dar a vidacontra a tomada de poder vinda de leste, via PCP. Vossa Excelência, onde estava? Com certeza que não no berço que não tem. Depois caíu do céu à frente da JS.

Foi nessa altura que eu me afastei definitivamente.Anos mais tarde, vim a cruzar-me com Vossa Excelência em Gondomar em 1995/96, viVossa Excelência ser amigo e próximo do Major Valentim Loureiro (o restaurante3M é do melhor que há), quando se discutia quem seriam as empresas que iriamtomar conta da "incineração", com menos preocupações com o ambiente, com maispreocupações pelo negócio, "bindo das Américas".
Permita-me Vossa Excelência duvidar das suas intenções.
A minha dúvida tem raiz no discurso de Vossa Excelência.
Nunca fala a favor do povo português, antes debita argumentos mesquinhos,insultuosos, como se lhe tivéssemos passado um cheque em branco.

Sempre um discurso de defesa, nunca a favor de ninguém. O discurso de VossaExcelência é o que nos faz desconfiar de Vossa Excelência.
Não são os casos esquisitos do Freeport, as cenas indesculpáveis na Beira eoutros sítios, os seus tios que compram Maserattis e o seu primo, pessoa de beme homem de verticalidade inquestionável, que até se pirou para fazer um curso de"karatê" no Nepal ou na China onde ainda anda. Não é nada disto. Todos temosVossa Excelência em boa conta, como um homem honesto. Vossa Excelência falha,quando não abona a seu favor.
Quando discursa a promover medidas grosseiras do governo, marketing políticopara inglês ver (não devia ter dito isto assim, soa a Serious Fraud Office),quando o discurso de Vossa Excelência é um discurso de defesa do seu lugar, dasua posição, do seu poder. Vossa Excelência NUNCA DIRIGIU UMA PALAVRA AO POVOPORTUGUÊS! O seu discurso é reactivo, defende-se afanosamente do que éindefensável.
O caso, mais um, "computador Magalhães", seria para mim um caso de polícia, comosempre disse, e penso que Vossa Excelência estará de acordo, não fosse o altopatrocínio do Primeiro Ministro do meu país em quem tenho de confiar, nestaparceria do nosso dinheiro com a empresa J.P. Sá Couto de Matosinhos que é afossa das Marianas da excelência em matéria de trampa informática.
Engana-se Vossa Excelência ao tratar o Povo Português como uma horda de idiotas.É só isto que não perdoo a Vossa Excelência e lhe digo de caras. Lá porque oPartido Socialista se transformou numa corja de oportunistas e arrivistas, euestou em crer que Vossa Excelência é completamente alheio ao facto. PergunteVossa Excelência a António Guterres, já que o José Luís Nunes não está entrenós.
Sabe, Senhor Primeiro Ministro, houve Homens neste País que deram a vida, afortuna, sacrificaram a família, para que a Vossa Excelência seja permitidotratar-nos como bestas. Houve homens que sofreram a perseguição, a tortura e oexílio. Houve homens assim. É verdade.
Não, Vossa Excelência não sabe.
Cá para mim, até não sabe de nada.
Compreendo no entanto, os aspectos críticos em matéria de defesa Nacional, daimagem do País. Falta-me é paciência e já não acredito em nada.
Senhor Primeiro Ministro, se é homem, se é Português, prove-o de uma formairrefutável. Nessa tão portuguesa expressão que tem raiz na coragem e naseriedade, mostre que tem tomates, pare de nos envergonhar. Nem lhe pedimos queprove que é sério... o ónus da prova ... prove-nos só que é Português. Deve.

Demita-se.
E desapareça para o Nepal ou para a China. Vá ter lições de Karatê com o"sensei" seu primo, que só lhe fazem bem. Não conspurque a escola de FunakoshiGuishim, meu Mestre de Shotokan. É um favor que lhe peço. Se assim for, estáperdoado. Desde que não volte. Primo, idem.»


De autor desconhecido

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 18:35

Chico-Espertismo

por cunha ribeiro, Terça-feira, 08.02.11

por Filipe Paiva Cardoso, Publicado em 08 de Fevereiro de 2011

 


Assessor do PS obrigado a devolver 41 mil euros que recebeu do IEFP

Câmara lisboeta pagava-lhe 3950 euros por mês. Ainda assim, IEFP deu-lhe 41 mil euros de subsídio.


O Centro de Emprego do Montijo procedeu à revogação do subsídio de desemprego que concedeu a um assessor do Partido Socialista que, apesar de auferir um salário de quase 4 mil euros por mês na Câmara de Lisboa, foi ao Instituto do Emprego e Formação Profissional pedir um apoio social que... foi aceite. Deram-lhe 41,1 mil euros para criar o próprio posto de trabalho.
A denúncia deste caso veio pelo "Público", em meados de Novembro. Agora, volvidos três meses, chega a punição: devolver o dinheiro e pronto. "Para além da realização de uma auditoria, o Centro de Emprego do Montijo procedeu à revogação do apoio concedido, com a consequente devolução dos valores pagos", diz um documento do Ministério do Trabalho, consultado pelo i.
O enredo não é propriamente uma novidade. Um jovem de 26 anos, sem currículo nem formação superior, entra pela via política num cargo público bem pago - assessor da Câmara de Lisboa, com 3950 euros ilíquidos mensais. Conforme relatou o "Público", o jovem estava desempregado e solicitou ao IEFP o pagamento antecipado do subsídio a que tinha direito, como forma de lançar a sua empresa - de construção, pasme-se. O instituto aprovou a candidatura. O problema veio depois. No mês em que recebeu o "ok" do IEFP, Pedro Silva Gomes - o tal jovem, filho de um funcionário do PS - celebrou dois contratos de prestação de serviços - um de um mês e outro de 12 meses, em troco de 3950 euros mensais - com a CML, para dar "assessoria técnica e política" nos gabinetes de Graça Fonseca e de Apoio ao Agrupamento Político dos Vereadores do PS.
O Ministério do Trabalho vem agora emendar a mão. "O Centro de Emprego aprovou a candidatura com os dados conhecidos na altura. Logo que teve conhecimento do facto [quando saiu a notícia], o IEFP determinou uma auditoria urgente", relata o mesmo documento do Ministério do Trabalho, já de Fevereiro deste ano. Assim, conclui, o apoio concedido "foi revogado" e os subsídios foram "devolvidos".

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:59

Relembrando as renovações de "O Prazer da Memória"

por cunha ribeiro, Terça-feira, 08.02.11

 

Peço desculpa pela sequência de datas não ser cronológica, mas, com atenção, chega-se lá. Devo prevenir que pode ocorrer alguma falha. Se ocorrer, espero compreensão dos nossos associados. Mas ainda vou a tempo de dizer que não consta nestas listas o último associado a aderir, Orlando Branco. Peço ao João Ribeiro, a a outro voluntário, que elabore a lista completa ( e não aos tombos, como esta) dos que já renovaram.



 

 


 

QUARTA-FEIRA, 1 DE SETEMBRO DE 2010

Associados, Renovações

 

Para que conste, acaba de renovar a sua inscrição o Manuel Reis Dias

TERÇA-FEIRA, 31 DE AGOSTO DE 2010

Associados, novas renovações

 

O Jaime já tinha renovado a sua inscrição ( foi aliás o primeiro)

 

 

 

Agora foi a teresa Cunha que renovou:

 

 

SEGUNDA-FEIRA, 30 DE AGOSTO DE 2010

Associados do "Prazer da Memória"

 

Para que conste, o António Rendeiro e a Fernanda Cardoso acabam também eles de renovar a sua inscrição na associção de que fazem parte desde o início.

 

 

SEGUNDA-FEIRA, 9 DE AGOSTO DE 2010

A Associação "O Prazer da Memória" volta a crescer no dia da sua festa e...

 

CHAMO A ATENÇÃO PARA OS ASSOCIADOS QUE:

 

 

 

RENOVARAM A SUA INSCRIÇÃO FEITA NO ANO ANTERIOR ( 2009/2010) PARA O ANO DE 2010/2011:

 

 

Antes de 08/08/2010:

 

 

Jaime da Silva Costa ( Fontes)

João Pinto

Cândida Dias Pinto

José Correia de Campos

Cândida Campos

Deolinda Pires da Cunha Gomes

José Gomes

Francisco da Cunha Ribeiro

Célia R.P. Marques Ribeiro

 

 

Dia 08/08/2010:

 

António Cândido Alves Cunha

Agostinha Cunha

José Joaquim Portelinha

( Esposa de José Portelinha)

João Manhado Ribeiro

Edma Ribeiro

Manuel Agostinho Campos

Manuel Pinto

EmíliaPinto

 

Depois do dia 08/10/2010

 

Teresa Cunha

Deolinda Dias

Cátia Pinto

 

 

TORNARAM-SE  NOVOS MEMBROS (  a partir do ano 2010/2011)

 

Francisco José Gomes

Cristina Cunha ( inscrita na data do funeral do Tio)

Domingos Simão Pipa Reguengo ( Reguengo - inscrito em 08/08/2010)

Sandrine Cunha ( inscrita na data do funeral do Tio)

Carlos Domingues ( Melgaço - inscrito em 08/08/2010)

Inês Cunha ( inscrita na data do funeral do irmão)

Manuel Almeida ( inscrito no dia de S. Pedro (?))

António Almeida ( inscrito em 08/08/2010)

Diamantino Ribeiro ( inscrito no dia 08/08/2010)

Miguel Ângelo Correia da Silva ( Fânzeres, Gondomar, dia 08/08/2010)

Cândida Pires ( 08/08/2010)

Álvaro dos Santos Mota (Caldas da Raínha, 08/08/2010))

António Manuel Lopes Pereira ( 08/08/2010)

Isabel Portelinha (08/08/2010)

Miguel Angel Moreira ( 08/08/2010)

Etelvina Portelinha Alves ( 08/08/2010)

João Freitas Gomes ( 08/08/2010)

Joaquim Rodrigues de Sousa Catita ( Montenegrelo, 08/08/2010)

Maria Fernanda Dias Machado ( Reguengo, 08/08/2010)

António José de Sousa Catita ( Montenegrelo, 08/08/2010)

M. Lecouvey Philippe ( França, 08/08/2010))

Édith Lecouvey ( França, o8/08/2010)

Camille Lecouvey ( marido da Cátia )

 

 

 

ADERIRAM NO DIA 13/08/2010:

 

Maria Cerejo ( Montenegrelo)

José Cerejo ( Montenegrelo)

José Augusto Gomes ( Parada )

Adelaide Cristina Gomes ( Parada )

Helder Martins Pipa ( Parada)

Madalena Ribeiro Pipa (....)

 

NOTAS:

 

1. Hoje dia 14/08/2010 temos:

 

a) Mais 26 associados a acrescentar à última actualização da lista ( que era de 51 membros...);

b) Assim se todos renovarem a inscrição, ficaremos a contar com 77 sócios no total.

 

 

 

 

 

 

 

Nota: Se esqueci algum nome, gostaria que me informassem.

Aguardamos novas renovações  (e inscrições....)

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 10:53

Gentes da nossa terra. João, a Legenda, P.F.

por cunha ribeiro, Terça-feira, 08.02.11

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 09:35

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds