Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


calendário

Julho 2011

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31


Pesquisar

 

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


Associação "O Prazer da Memória" de Parada de Aguiar: uma Associação à espera que todos se orgulhem de lhe pertencer

por cunha ribeiro, Sexta-feira, 29.07.11
 
A nossa Associação não deseja mais do que isto: contribuir para o engrandecimento da nossa aldeia. Por isso, quem gostar de Parada nao deve deixar de se associar ao PRAZER DA MEMÓRIA.
Acreditem, caros conterrâneos:  nao estamos nisto para nos promover a nós próprios; estamos nisto para que PARADA seja uma aldeia amada e admirada por todos nós, e à qual todos nos orgulhemos de pertencer:
                                                                            Francisco Cunha Ribeiro

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 23:41

Imagens da Festa de S. Pedro, por Teresa Cunha

por cunha ribeiro, Sexta-feira, 29.07.11

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:51

Sócios ( e não sócios) que confirmaram a sua presença na Festa da Associação

por cunha ribeiro, Sexta-feira, 29.07.11

 

Estão já  confirmadas as presenças seguintes:

 

 1. Agostinho Rodrigues, Manuela Gomes, e um dos filhos.

 2. Deolinda Pires Cunha, José Gomes, e filha.

 3. Cândida dos Reis e João Pinto

 4. Cátia Dias e Marido

 5. João Machado Ribeiro, Edma, filho, e sobrinha, Eduarda Ribeiro

 6. António Cândido, e Agostinha

 7. Francisco Cunha Ribeiro e Célia Ribeiro

 8.  Belarmino Campos e Fatima Monteiro

 9. Fernando José Gonçalves Amaral e Maria Emília Borges Branco ( Vão-se associar este ano)

 

 Aguardam-se mais confirmações.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:00

Viagens

por cunha ribeiro, Sexta-feira, 29.07.11

 

A Viagem é a melhor fantasia de que dispomos para enganar a monotonia que, por vezes, se agarra à nossa existência. Quantas vezes viajamos, parados no espaço e no tempo, para fintarmos o nosso aborrecimento.

Para mim as viagens são oásis que surgem no caminho árido da nossa vida. São metáforas que embelezam as nossas biografias. 

Se estabelecesse uma hierarquia das viagens, no vértice apareceriam as mais dinâmicas, e imprevisíveis. As viagens feitas de acasos são, com efeito, as mais memoráveis. Nessas viagens tudo o que vemos nos aparece. Sentimo-nos nelas como os marinheiros de quinhentos se sentiam a descobrir novas terras.

Recordo-me de uma viagem em que vivi vários momentos assim. Num deles, estava eu em plena escalada dos Pirinéus, pela vertente francesa, quando, inesperadamente, surgiu diante de mim um deslumbrante "quadro medieval". Com ruelas apertadas ladeadas de magníficas casas de pedra, artisticamente recuperadas, prontas a desafiar a eternidade. Os contrafortes daquele sítio extraordinário, eram os penedos da Serra. Rijos, enormes, intemporais.

Parei o carro, saí, percorri, durante largos minutos, aquele prodígio nascido do homem e da natureza, numa rara comunhão estética entre o humano e o divino.

Sempre que viajo no tempo, no dorso  escondido da minha memória,  relembro este momento de plenitude que só a viagem oferece.

 

FCR

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:19


Comentários recentes




GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds