Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Setembro 2011

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


Música - Trás-Os-Montes e É tão linda a minha aldeia ( Roberto Leal)

por cunha ribeiro, Sexta-feira, 16.09.11

 

 



Autoria e outros dados (tags, etc)

às 22:56

Ciclovia aguiarense a pedalar ao contrário

por cunha ribeiro, Sexta-feira, 16.09.11

 

 Acabo de saber, pela VOZ DE TRAZ OS MONTES, que a CICLOVIA aguiarense está a crescer para o lado de Sabroso de Aguiar. Desconheço quais as razões de tal opção, se as houver.

 Para mim é óbvio que a decisão mais razoável e equitativa para o Concelho seria de prolongar a ciclovia de Vila Pouca a Tourencinho, antes de a alongar de Pedras até Sabroso. 

 Não foi o que aconteceu. 

 O que é que falhou?

 Os presidentes de junta do lado do Avelames têm mais influência do que os do Corgo?

 Parece que sim.

 

Cunha Ribeiro

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:40

PARADA, QUEM TE VIU! (III PARTE)

por Francisco Gomes, Sexta-feira, 16.09.11

Quando o Senhor Manuelzinho era Presidente da Câmara conseguiu levar para Parada dois melhoramentos muito importantes:

1 - O conserto da estrada desde o Talho até ao cimo da aldeia. Até à entrada da aldeia foi alargada e levou uma camada de pedra britada.

Na Ponte fazia uma curva. Esta curva foi cortada e feita uma recta da Ponte à linha do comboio. O Cruzeiro foi  recuperado e chegado mais para trás.

Em frente à casa do Senhor Manuel Taverneiro existia uma mina. Era uma escada, pois as pessoas do fundo da aldeia apanhavam a água ali. Essa mina foi fechada.

Foi feito o calçamento em Paralelepípedos desde a entrada da aldeia até à frente da casa do  Senhor José  Penato. Foi calçada a Cuscarreira até à porta do Senhor Manuelzinho.

Toda a pedra britada que foi usada foi retirada de umas fragas que existiam junto à Corte do Pereira. Fizeram uma estrada muito rude, depois da escola, até às fragas. Colocaram um velho caminhão a carregar os pedaços de pedra, que era britada à beira da estrada.   Os paralelos vinham de Fontes, num caminhão.

 2 - O outro melhoramento foi a canalização da água desde Fonte Castanheira até ao Reservatório no Tojal e depois até à Cuscarreira e o Chafariz. Do Tojal até Porto Cedreira e depois até Fonte Castanheira, a Câmara forneceu os canos, mas as valas foram abertas pelo povo. Meu Pai, que era o Zelador da Aldeia, é que fazia as escalas dos voluntários. Trabalhei vários dias. Do Tojal até à Cuscarreira, a Câmara foi quem fez. Depois de inaugurado o Chafariz, o pessoal do fundo da aldeia passou a apanhar lá a água.

 

A nova estrada acabou com as ramadas e acabou com uma horta que pertencia ao Senhor António Moutinho, junto à Cuscarreira.

No inverno, as pessoas iam para a serra, cortar estrume e lenha para as fogueiras e para cozinhar o Pão. Tudo era carregado nos carros de bois. Todos os serviços da lavoura eram feitos pelos bois. Puxar o arado para arar as terras, puxar a grade para gradear a terra e puxar os carros.

Eu fui a vários lugares, levar ou apanhar coisas no carro de bois. Fui a Vilar de Maçada, no Douro, apanhar uma pipa de vinho. Na volta, viemos por Sanfins do Douro, Favaios, Alijó, andamos a noite inteira, chegamos a Alfarela de Jales de manhã. Outra vez fui a Vidago, também buscar uma pipa de vinho. Fui a Vila Real levar uma carrada de batatas. E fui a Salvador, Ribeira de Pena, levar a mobília do meu tio João Guarda, quando ele foi transferido de Vila Pouca para lá.

Hoje na aldeia de Parada, não se vêem os carros de bois, e nem os bois, só se vêem vacas leiteiras.

 A gente lembra, sente saudades daquele tempo, não daquela luta.

Graças a Deus, o progresso chegou a todos os lugares.

Abraços para todos.

 

Agostinho  Gomes  Ribeiro

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:01
editado por cunha ribeiro às 22:05

Agostinho Rodrigues, Opinião

por cunha ribeiro, Sexta-feira, 16.09.11

 

= O EXCELENTÍSSIMO Sr. 1 MINISTRO DE PORTUGAL E A SUA COMITIVA GOVERNAMENTAL =

 

Já começaram a mexer na eliminação das chefias. Vamos lá a ver até que ponto consegue por em prática os seus ideais. Tenho muitas dúvidas que os Srs. habituados a certas mordomias se calem. Aguardamos para ver o resultado.

Isto de se dizer que se corta aqui e ali para poupar os tais milhões, já começa a cheirar mal. O povo está farto de conversa fiada e, por este modo de andar, qualquer dia só tem direito a um prato de sopa e um bocado de pão. E, como o povo se contenta com pouco, ainda invoca o nome de Deus dizendo, felizes daqueles que ainda vão tendo isso. Outros há que já estão na pendura há muito tempo, sujeitando-se a ir mendigar às mais diversas Instituições de Solidariedade que têm feito um grande esforço para acudir a estas pessoas – senão seria o bom e o bonito.

Enquanto isso, há determinada gente que têm à larga e à fartazana, esquecendo-se que os demais cidadãos deste País, também têm direito a viver com dignidade como qualquer ser humano.

Gostava de ver o Governo a propor na Assembleia da República a redução de deputados como falou em época de campanha eleitoral, bem como cortar certas regalias que os Srs. têm em ralação a outros funcionários que trabalharam uma vida inteira para o Estado e, qualquer dia têm que ir mendigar para a porta duma igreja qualquer se a fome quiser enganar.

Pelos vistos, na política, só muda a cor – do resto a conversa é sempre igual e a factura calha sempre aos mesmos. Lá nisso os nossos ilustres Drs. Licenciados em Economia, são exímios nas contas. Nunca se enganam nos resultados das mesmas. Por isso é que são bem pagos para estarem sempre a favor dos mesmos.

Um abraço para todos os conterrâneos, especialmente para todos aqueles que se dedicam de alma e coração para o engrandecimento de Parada de Aguiar.

15 De Setembro de 2011

Agostinho Rodrigues

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 11:11

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds