Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


calendário

Fevereiro 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829


Pesquisar

 

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


Por causa da altura ou da "profundidade"?

por cunha ribeiro, Sábado, 11.02.12

FOTOGALERIAS

 

Nereida Gallardo: “Quero fazer amor num avião”

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:49

Deus perdoe os pobres de espírito

por cunha ribeiro, Sábado, 11.02.12

  Estive no funeral do João Braga e vi imensa  gente. Cheguei em cima da hora, e já não pude entrar na capela que estava a abarrotar. Nem mesmo nas escadas me foi possível estar. Havia pessoas à volta do tanque, e no largo ao lado da torre. 

  Sinal que o malogrado defunto era pessoa querida de muitos.

  Pena que, em plena missa, algumas pessoas(poucas, felizmente) estivessem  a conversar como se nada de sério e triste estivesse a acontecer.   Mesmo sabendo que à sua volta havia dezenas de pessoas num silêncio educado e respeitoso. 

  Na cruz, não sei por que razão, o Sr Padre não terá permitido que o caixão fosse colocado como é tradição no estrado que lhe está destinado, junto do crucifixo. Alguém comentou: " Este padre quer sempre fazer só a própria vontade". E eu dei-lhe razão. Até porque consta que o sr pároco de Soutelo de Aguiar não estava a fim de rezar missa ao defunto. No entanto, se tal não corresponder à verdade, desde já peço desculpa ao Sr Padre.

  Julgo que ficou patente que o João Braga merecia não uma missa mas muitas mais. E fico perplexo que a Igreja admita sequer privar de missa um ser humano, só porque teve o azar de se suicidar.

 Sabem o que me apetece dizer?

 Deus perdoe os pobres de espírito.

 

  F.C. R.

  

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 20:54

Obras na casa de S. Pedro, para quê, santo Deus!

por cunha ribeiro, Sábado, 11.02.12

  

 Reparo que já se fazem obras no interior da Casa de S. Pedro. E dei comigo a pensar: meu Deus, para quê gastar dinheiro numa casa se ela não serviu nem para sede de uma Associação?!

 A seguir ponderei: ainda se fosse no exterior... depois de rebocada e pintada, a casa ficava bonita, agradável à vista de quem lá passasse. Mas não, é no interior.

 E você, caro leitor, o que pensa disto?

 Pense bem: Ninguém  irá habitar aquela casa, mas fazem-se obras nela! Ninguém a utilizará como museu ou biblioteca, mas fazem-se obras nela! Ninguém a usará como casa do povo, ou centro de dia, mas fazem-se obras nela! Não lhe apetece chegar junto dos responsáveis e perguntar: " Srs responsáveis por estas obras, vocês andam aqui a gastar dinheiro em material e serviços com que finalidade?"

Não espere é grande resposta.

 Agora um conselho: Se alguma associação ou clube da freguesia pensar em pedir a casa para se lá instalar, é melhor mudarem de ideias. Aquela casa afinal não é de Parada, nem de Soutelo, nem Fontes, nem Montenegrelo. Aquela casa era de uma família e foi comprada por outra família - a família PSD. Aquela casa é pois, apenas, de algumas pessoas, não é de todas. Foi comprada por alguém com o dinheiro de um nascente. Mas o nascente não era da freguesia, nem era do povo. Depois, esse alguém vendeu  o nascente ( que não era da freguesia, nem do povo - repito) para  comprar a dita casa (que - volto a dizer - não é da comunidade).  O mesmo é dizer que a casa de S. Pedro é de quatro ou cinco pessoas do PSD da freguesia de Soutelo. Não há outra conclusão a tirar. Santa paciência.

 Só mais isto: A Junta de Freguesia de Soutelo tem um presidente que até é de Parada de Aguiar. Na sua aldeia, um grupo de pessoas fundou uma Associação que ele, Presidente, ignora ou faz que ignora. A Associação pediu que a Junta lhe cedesse a casa para Sede. O que fez o Presidente? Fez o que é costume - ignorou. "Medo de falatório" - argumenta. 

 Sejamos compreensivos, caros leitores,  realmente o falatório é uma coisa terrível. E não é difícil imaginar as más línguas, gritarem num tom ensurdecedor, para quem as queira escutar:

  - Fulano entregou a casa de S. Pedro - que é da Junta! -  a um grupo de energúmenos... a um bando de foras de lei que só querem  a casa para jogar a sueca, beber uns copos,  fumar uns "charros", e sabe-se lá mais o quê! Rua com esse fulano!

 

 CR

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 20:49

Os paradenses estão-se marimbando para as obras que fazem na aldeia

por cunha ribeiro, Sábado, 11.02.12

 

Digo isto porque só NOVE ALMAS se dignaram votar no INQUÉRITO proposto no Blog PARADA DE AGUIAR sobre as obras que se fizeram. Uma aldeia com gente que não é sensível a este tipo de questões só pode estar doente dos olhos. Desculpem, mas é isto que sinto.

 

 

FCR

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 20:42

Esta é uma boa política. ( Já agora aproveito para perguntar qual é o ponto da situação da futura "residência de idosos" de Parada do Corgo)

por cunha ribeiro, Sábado, 11.02.12

 Madeira: Criar residências para idosos que vivem sozinhos

A criação de residências nos diferentes sítios e freguesias da Madeira que reúnam dois ou três idosos que antes viviam sozinhos é uma das medidas que a Segurança Social quer implementar para colmatar o problema do isolamento destas pessoas.

 

 

Em declarações à agência Lusa, a presidente do conselho de Administração da Segurança Social, Bernardete Vieira, garantiu que "manter os idosos em casa é uma prioridade", pelo que uma das medidas de apoio delineadas "é a criação de residências nos sítios e nas freguesias".

"Estamos a tentar ver se as pessoas se organizam com as juntas de freguesia e instituições locais, porque há situações de idosos que estão sós, a ver se conseguem juntá-los", adiantou.

Bernardete Vieira adiantou que há também uma aposta no reforço da atribuição do subsídio aos cuidadores "para que os idosos tenham apoio, vivam nas suas casas e o internamento seja sempre a última resposta".

"É óbvio que há certas alturas da vida do idoso ou devido à dinâmica familiar que estes têm de ser internados, mas para isso temos as respostas de lar que são de último recurso", argumentou.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 20:37

Agostinho Rodrigues analisa as "pieguices" de P. Coelho

por cunha ribeiro, Sábado, 11.02.12

«AS LAMACHICES E PIEGUICES DOS PORTUGUESES EM DECLARACÕES NOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, FEITAS PELO Sr. 1º. MINISTRO Dr. PASSOS COELHO»

 

Pois é Sr. 1º. Ministro! Os Portugueses na realidade são muito piegas e lamentam-se muito por ter acreditado nas suas palavras aquando da campanha para as legislativas, das quais acabaram por lhe dar o lugar para se assentar no Pedestal - em virtude do seu antecessor ser um pantomineiro da pior espécie e, os Portugueses fartos das aldrabices aos olhos de todos, acabaram por beneficiar a sua vitória. Talvez que se fosse hoje não lhes fosse assim tão fácil atingir o objectivo que tinha em mente - visto o povo já saber qual são as alternativas que tinha em relação ao anterior governo. Infelizmente – agora é um pouco tarde. Geralmente – só nos levantamos depois de cair e é quando podemos ou nos dão a mão. Mas, o Sr. 1º. Ministro, já se viu que não é muito de dar a mão. É mais de meter a mão sem dó nem piedade nos bolsos dos funcionários públicos e pensionistas do Estado – protegendo os privados e mais abastados tal iguais como o seu anterior. É sempre o povo que paga com língua de palmo pelas mais diversas formas que nestes anos de democracia os Srs. Políticos governantes deste País assim o têm feito. Mas que porca miséria a nossa. Que mal é que os Portugueses fizeram a Deus para só nos sair na rifa políticos medíocres? Quando é que se faz limpeza tid nesta cambada de oportunistas malabaristas que tanto mal nos têm causado? Será que o objectivo desta gente é só amanharem-se seja lá de que forma e feitio for preciso? Bem!.. Pelos vistos - e ao que se tem visto – tudo leva a querer que sim.

Uma coisa é certa. Hoje, os Portugueses, já sabem muito bem qual a diferença entre o Eng.º. Sócrates e o Dr. Passos Coelho. O Eng. Sócrates, era arrogante e obcecado em obras de grande envergadura para daí - e, segundo chegou a conhecimento público, saírem arranjinhos para os amigos e, em seu proveito próprio.

O Dr. Passos Coelho, é obcecado com a dívida deixada pelo ex governo que, ele próprio, também fez parte do acordo com a dita Troika para a penalização do Povo Português duma forma tal que: - Qualquer dia nem tanga vamos ter para tapar as partes desnudadas. Por isso ilustres Portugueses – tanto o anterior como o actual, foram 2 alunos que entraram muito cedo na vida política. Dedicaram-se mais à política do que aos estudos visto só conseguirem as suas licenciaturas muito tardiamente e, segundo se consta - com algumas benesses. O que é certo, ambos chegaram ao tão desejado lugar de 1º. Ministro de Portugal!.. Como? Talvez com os ensinamentos que tiveram ao longo de todos os anos que andaram na boa baiela para aprenderem atingir os objectivos deles e a forma de lixarem o Zé Povinho que: - Por mal dos nossos pecados estamos a suportar todas estas desgraças que estes meninos dos papás e mamãs nos arranjaram.

Por ironia das ironias, ambos são oriundos do Distrito de Vila Real. Mas; nenhum deles conhece a vida dura das gentes do Distrito de Vila Real – Trás-os- Montes, porque se a conhecessem – talvez soubessem dar mais valor à vida dura que os seus conterrâneos tiveram e têm para poderem sobreviver. Se tivessem andado nos socalcos do Douro ou nas serras do Marão, Alvão e Padrela, de certeza que tinham mais respeito pelo valor dos cidadãos Portugueses que tantos sacrifícios fazem para terem o pão de cada dia e com dignidade, coisa que muitos dos Srs. Políticos desconhecem o que é.

Agostinho Rodrigues

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 00:48


Comentários recentes




GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds