Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Fevereiro 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


O Leilão de Sto António

por cunha ribeiro, Domingo, 19.02.12

 

Perspicaz - e sempre atento aos meus "pecados" -  o Manuel Almeida notou a minha ausência ao Leilão de Sto António.

 De facto, foi uma falha da minha parte, e dela me penitencio. Mas o M. A. logo a seguir toca um pouco ao de leve na ferida: " Se fosse melhor divulgado...".

 Eu diria, a bem da verdade,  que a falta de divulgação não terá aqui grande defesa para quem, como eu, lá não esteve. De facto, toda a gente deveria saber que o Leilão a Sto António há muitos anos é feito no domingo gordo, à tarde. Eu sabia-o. Mesmo assim, falhei.  De facto não estive atento à tradição. 

 Todavia, queria deixar aqui uma opinião pessoal sobre o local onde o leilão é hoje realizado. É que por falar em tradição, ou tradições, o leilão foi durante muito tempo realizado junto à Capela do Santo. Justamente, o Santo para o qual se trazem as oferendas para leiloar.

 Ora, o que acontece é que hoje em dia o dito leilão foi transferido, não sei por decisão de quem, para a Cruz Carreira. Não tenho nada contra a Cruz-carreira. Tenho contra a decisão de mudar o local do Leilão. 

 Admitamos, pois,  que a tradição afinal já  não é o que era.

 

FCR

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 23:42

A orelheira da Ermelinda Pica

por cunha ribeiro, Domingo, 19.02.12
clique para voltar à página anteriorCheguei a pensar que, sem os meus pais na aldeia, deixaria de ter vontade de visitá-la.  Mas não.  Este fim de semana, de domingo gordo, fui lá, e gostei de ter ido.
 Primeiro, a viagem pela A7, numa tarde de sol limpo, é uma festa para os meus olhos. Sobretudo, quando, além-Fafe, do alto da Lameira, avisto o ermo da Sra da Graça, e vislumbro por trás o Alvão. A viagem até Parada é uma travessia orgânica por pequenos vales, montes e serras. No esplendor do percurso há uma suave e longa  subida, pelo interior pulmonar do Alvão. A seguir, a descida até ao coração da Padrela. E pronto.
 Agora, é só rever a casa do berço; abrir-lhe as janelas para a deixar respirar; ouvir a vizinha, Ermelinda,  dizer  que tem uma orelheira curada, pronta para me dar; descer a S. Pedro e jantar com os primos; tomar café no Ferreirinho, e falar com os amigos de sempre.
 Na nossa  aldeia, caro leitor, há sempre um favo de mel à espera de  nós. 
FCR

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:25

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds