Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Outubro 2012

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


SE DEFENDE, E ESTÁ NO GOVERNO, POR QUE NÃO O FAZ?

por cunha ribeiro, Segunda-feira, 22.10.12

 

Passos Coelho sublinha que o país precisa de uma cultura de responsabilidadePassos Coelho sublinha que o país precisa de uma cultura de responsabilidade (Foto: Enric Vives-Rubio)
 O líder do PSD defendeu a responsabilização civil e criminal dos responsáveis pelos maus resultados da economia do país, para que não continuem “a andar de espinha direita, como se não fosse nada com eles”.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 22:03

OPOSIÇÃO SOCIALISTA AGUIARENSE: PELA VOZ DE JOSÉ EDUARDO QUINTEIRO

por cunha ribeiro, Segunda-feira, 22.10.12
 Outubro de 2012 às 20:50
CARO FRANCISCO RIBEIRO,

O Autor do texto continua a deturpar as situações. A oposição faz-se dentro e fora das reuniões de Câmara. Aos Vereadores do PS compete-lhe o trabalho nas reuniões de Câmara, por isso ninguém os pode acusar de não fazerem um trabalho isento, preocupado com o futuro do concelho e acima de tudo em defensa dos interesses de TODOS os Aguiarenses. Para confirmar isto, basta ver as atas das diversas reuniões de Câmara e ler as várias declarações de voto. Pena é que não os Munícipes não possam aceder também às gravações das reuniões de Câmara, pois certamente não ficariam nada contentes, não com o “cabeçalho” da notícia, que, infelizmente, está correto, mas sim com o facto de se dirigir à pessoa errada. Eu e os meus colegas de Vereação temos feito uma oposição construtiva, assente numa estratégia de analisar convenientemente todas as situações e decidir em função daquilo que consideramos ser melhor para o nosso concelho.
Votamos a favor quando o devemos fazer, votamos contra quando consideramos que as propostas não são as melhores. Estou ciente do meu trabalho e dos meus colegas de Vereação e sei que tenho tido um bom desempenho enquanto vereador da oposição, embora sem resultados visíveis, pois nas reuniões de câmara não contam as ideias, mas sim os números. Infelizmente e em linguagem futebolística fica sempre 4-3.
Portanto os Vereadores do PS na oposição têm estado atentos, fazendo sempre a oposição que é adequada e necessária, justificando convenientemente todas as suas tomadas de posição. 
Portanto, se o Autor tivesse tido a oportunidade de ir a uma reunião de Câmara pública, certamente, ficaria com uma ideia diferente, se é que já não a tem...
O que me parece no texto, talvez por desconhecimento ou falta de coragem é não saber distinguir entre o papel de um vereador da oposição e o papel do partido da oposição. 
Já que falei em coragem, verifico que a notícia que vem num jornal local é diferente da do blog. É coragem a menos de um ou coragem a mais de outro?

Cordiais Cumprimentos

José Eduardo Quinteiro

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:04

NADA DE GRANDE E VIRTUOSO SE FAZ SEM A FÉ E O SONHO

por cunha ribeiro, Segunda-feira, 22.10.12

 

 Tenho para mim que a Fé a Esperança e o Sonho são uma espécie de santíssima trindade . A Fé é o Pai, a Esperança, o Filho, e o Sonho, o Espírito Santo.

 A Santíssima Trindade cristã é unitária, já que as três entidades são, na essência, uma só. O Pai, o Filho e o Espírito Santo são essencialmente a divindade - Deus.

 Por isso, em minha opinião, a Fé, a Esperança e o Sonho são também  uma só entidade, a que poderemos chamar IDEAL.

  Assim, quando uma pessoa de fé ridiculariza os sonhos, e com eles os sonhadores, está, salvo melhor opinião, a mutilar a Esperança humana e a destruir a própria Fé.

  Quem se ri dos nossos sonhos chorará dos seus pesadelos. 

  Como dizia F. Pessoa, o "homem é do tamanho do sonho", e, em consequência, quanto maior e melhor for o sonho, maior e melhor é o homem.

  Quem ridiculariza um sonho, quando esse sonho é virtuoso, só poderá ser um "assassino" da Esperança, ou um "carrasco" da Fé.

  Nada de grande e virtuoso se faz sem o sonho e a Fé. Esta, no entanto, é bem mais volátil que o Sonho, porque o Sonho constrói-se com a realidade dos homens e seus ideais, cá na terra; a Fé edifica-se com a sustância invisível das almas  algures entre a Terra e o Céu.

  

 

FCR

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 17:45

SONHOS E LENDAS

por Francisco Gomes, Segunda-feira, 22.10.12

            Outro dia, riram de mim e me chamaram de sonhador. Mas é verdade, eu sou, e daí?

            Se eu quero acreditar no sonho dos milhões da lotaria acumulada, encontrar um "eldorado" só para mim, encontrar a Arca de Noé, puxar as barbas de Abraão, encontrar Neptuno, falar com Javé, acreditar em Papai Natal visitar e Éden, encontrar a Torre de Babel, se quero acreditar na união de todos os Paradenses. ( Isto é assunto para outra oportunidade), se eu quero acreditar num mundo sem guerras, livre da poluição e das armas químicas, se eu sonho com governantes capazes e honestos, ver o mundo livre da corrupção, ver a humanidade se amar, respirar um ar puro todos se abraçarem, viverem num só coração e numa só alma, que mal tem nisso?

          Os sonhos são necessários, eles nos protegem  das manhãs frias, chuvosas e cinzentas, nos fantasiam de fortes, nos despem das ilusões. Os sonhos não acreditados, são como falsas lendas, são contadas, mas não têm qualquer sentido.

          Eu não quero ser escravo das lendas, prefiro ser escravo dos sonhos. Nos Sonhos, nós viajamos ao mundo desconhecido, voamos como os astronautas, marcamos encontro com o Capitão Gancho e outros piratas do Caribe, procuramos aquilo que queremos encontrar, vemos aquilo que queremos ver, somos aquilo que queremos ser. Ao final de tudo, somos apenas o produto de um sono mal dormido, às vezes um pesadelo enorme.

          As lendas são tristes, falam de doenças, de mortes, de dúvidas, nascem da cabeça das pessoas e morrem nos ouvidos dos incrédulos. Os sonhos são como orações, nos dão alento, nos transmitem esperanças, as cruzes, são símbolos de amor e de Paz. Há uma grande diferença, entre o contar uma lenda  e o viver um sonho. Mas, as lendas nos trazem incertezas e os sonhos nos trazem frustrações.

          Eu sou alguém que não acredita em lendas, acho que tudo é invenção. Também não acredito na realidade dos sonhos. O que eu mais acredito é nos  pesadelos da vida. E você, acredita em que?

          Eu sonhei que era um rei e meu amor uma rainha, mas quando acordei, não achei o reinado que eu tinha.

                                                                             

Abraços para todos os Amigos do Blogue

 

Agostinho Gomes Ribeiro

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:27

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds