Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Dezembro 2013

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


Morreu Amália

por cunha ribeiro, Quinta-feira, 12.12.13

 

 Não a fadista que essa continua viva ... na memória dos fãs, mas a lontra marinha do Oceanário, baptizada com o nome da grande fadista. Parece que morreu de velhice... Tinha já 16 anos de idade.

 

FCR

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 17:36

Privilégios: Assim Não custa Sofrer Redução no Salário

por cunha ribeiro, Quinta-feira, 12.12.13


18 - Nuno Amado, BCP. 0,18%

O Banco Comercial Português e os sindicatos bancários já concordaram que os trabalhadores da instituição poderão beneficiar de uma redução da prestação mensal dos créditos à habitação ou ao consumo que permita compensar os cortes salariais temporários, a aplicar na instituição caso haja um entendimento global entre as partes. O acordo final entre o BCP e os representantes dos colaboradores está dependente de um entendimento relativamente ao tema do despedimento colectivo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 09:32

Morreu um Grande Artista transmontano

por cunha ribeiro, Quinta-feira, 12.12.13

Nadir Afonso, natural de Chaves, foi e será um Pintor universal.

 

nadir

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 09:02

NATAL DE ANTIGAMENTE

por cunha ribeiro, Quinta-feira, 12.12.13

 POR DEOLINDA GOMES

 

Vem aí o NATAL. Uma festa que, graças a Deus, apesar de residir fora, ainda vou festejando na aldeia onde nasci e vivi os NATAIS de antigamente... que nunca mais esquecerei. Não pelas prendas que recebia... quase sempre nenhuma. Mas pela fantasia...pela alegria...pelo presépio...pela missa do galo... pelas "fritas" ou rabanadas e pelos bolos... ( não tanto pelo bacalhau...) e, sobretudo, pelo inesquecível jogo do rapa.

Não imaginam a emoção com que eu e os meus irmãos usávamos um saquinho, muito pequenino, que eu (a mais velha) costurava, ou cosia à mão, para que todos tivéssemos onde guardar os confeitos (uma espécie de amêndoa aos bicos, de diversascores). À noite, depois de consoarmos , lá vinha o rapa para cima da mesa... Um mês antes do Natal, já alguém tinha cortado um ramo de amieiro, e, com um canivete, talhado o rapa. Numa ponta, a mais comprida, segurava-se o rapa entre os dedos, a outra, mais pequena e pontiaguda, servia para colocar em cima da mesa. Depois, com a ajuda dos dedos, fazia-se um gesto que ia fazer girar o brinquedo, até parar e tombar. Em cada uma das quatro faces do rapa estava desenhada uma letra ( R, de rapa; P de põe; T de tira; e D, de deixa). Se o rapa parava com o R virado para cima, era uma alegria, pois tudo o que estava na mesa era para RAPAR e meter no saquinho; se calhava no P, quem fazia girá-lo tinha que pôr o mesmo que estava na mesa ; no T, tirava a parte dele...; no D, deixava).

No fim do jogo, quem tivesse o saquito mais cheio ganhava. Que saudades do tempo em que o rapa era o brinquedo mais desejado de cada Natal.

 

DEOLINDA GOMES

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:24

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds