Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Janeiro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


Portugal com QUATRO bolas de ouro

por cunha ribeiro, Segunda-feira, 13.01.14

 

 Digam-me quantos países se podem gabar do mesmo feito.

 

FCR

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:43

Ronaldo em destaque na Imprensa Internacional

por cunha ribeiro, Segunda-feira, 13.01.14

No jornal francês " L`Équipe", o título não deixa margem para dúvidas sobre o êxito do português:

 

« Ronaldo, le retour au sommet" (Ronaldo, regresso ao Topo)

 

Cristiano Ronaldo a battu Ribéry et Messi

Auteur de 63 buts en 2013, Cristiano Ronaldo (Real Madrid) a remporté le Ballon d'Or lundi. Malgré cinq titres obtenus cette saison avec le Bayern, le Français Franck Ribéry repart bredouille (3e) tout comme l'Argentin Lionel Messi, quadruple tenant du titre (2e).
A Marca, periódico desportivo de Madrid, titula “Cristiano Ronaldo, novo rei do futebol”, e sublinha o fim do ciclo de Lionel Messi, argentino do Barcelona, classificado em segundo lugar na presente edição, cujo anúncio final decorreu hoje, em Zurique, na Suíça.
Também sedeado na capital espanhola, o El Pais, jornal generalista com forte impacto no mundo hispânico, faz um título simples – “Cristiano, Bola de Ouro”, mas remete para uma página eletrónica e para diversas conexões com os pormenores da eleição, umas horas antes.
Com o mesmo destaque e o mesmo título, o El Mundo Deportivo, jornal da Catalunha, dá expressão à conquista do português do clube rival do Barcelona, assumidamente mais “querido” pela redação em causa.
“Ronaldo, triunfo e lágrimas” é, por sua vez, a frase estampada na página principal da Gazzetta dello Sport (Itália), enquanto o inglês The Guardian referencia que “Cristiano Ronaldo ganha Bola de Ouro após ano brilhante no Real Madrid”.
Para a “primeira” página da BBC (Inglaterra), “Ronaldo bateu Messi pela Bola de Ouro”, enquanto na da CNN é necessário entrar na secção do Desporto para ler, em baixo, a referência à conquista do avançado luso.
Ao contrário, na página da rede Globo (Brasil), o assunto tem estatuto de manchete: “Cristiano Ronaldo é eleito melhor do Mundo”. E sublinha a interrupção da sequência de quatro troféus de Lionel Messi, assim como não ter segurado o choro em palco.
Por fim, o Clarín, da Argentina, refere que “desta vez, Messi não conseguiu”, enquanto o La Prensa, também de Buenos Aires, titula “Balão de Ouro 2013 para Cristiano Ronaldo” e refere o “agradecimento em poucas palavras, interrompido pela emoção” do jogador.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:15

LUSÍADAS, Canto XII, Ronaldo de novo no Topo do Mundo

por cunha ribeiro, Segunda-feira, 13.01.14

 

 Ronaldo continua a escrever, com os pés, os Lusíadas -  que agora somam XII Cantos.  E ainda a procissão vai no Adro.

 

FCR

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 19:50

Veja se na sua conta da EDP está o salário do J. Rodrigues dos Santos

por cunha ribeiro, Segunda-feira, 13.01.14

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 17:30

Mais um Projeto Adiado?

por cunha ribeiro, Segunda-feira, 13.01.14

Municípios do Alto Tâmega renegoceiam com a Iberdrola construção das barragens

Ribeira de Pena, 07 jan (Lusa) -- Os municípios do Alto Tâmega estão em "processo de renegociação" com a empresa espanhola Iberdrola, a quem foi concessionada a construção de três barragens neste território, disse hoje o presidente da Câmara de Ribeira de Pena.

O projeto de construção do empreendimento hidroelétrico do Alto Tâmega (barragens de Gouvães, Tâmega e Daivões) foi apresentado em janeiro de 2009, numa cerimónia presidida pelo então primeiro-ministro, José Sócrates.

O processo tem-se arrastado, sem que as obras se iniciem. Neste momento, segundo o novo presidente da Câmara de Ribeira de Pena, o socialista Rui Vaz Alves, está-se "num processo de renegociação com a concessionária Iberdrola".

Todos os presidentes dos seis municípios do Alto Tâmega são novos, bem como a direção da empresa espanhola, pelo que "houve necessidade rever todas as negociações feitas anteriormente, bem como as medidas propostas pela concessionária".

O autarca referiu que, neste momento, não é possível adiantar mais informações, mas disse esperar por "desenvolvimento nas próximas semanas".

Na sua opinião, trata-se de um processo que "aparentemente não caiu", se bem que, segundo frisou, "não se vislumbra uma abertura completa". "Ou seja, daquilo que eu pude ver, não há assim uma pressa muito grande da própria empresa avançar", frisou.

Contactado pela Lusa, o presidente da Associação dos Municípios do Alto Tâmega e do município de Vila Pouca de Aguiar, Alberto Machado, confirmou a realização de reuniões com o ministro do Ambiente e com a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDRN).

Disse ainda que se estão a "criar compromissos" com vista à implementação das barragens.

A Lusa tentou obter esclarecimentos sobre este processo junto do Ministério do Ambiente mas, até ao momento, não obteve resposta.

Rio Vaz Alves encara a construção das barragens como uma "mais-valia" para Ribeira de Pena, do ponto de vista "económico e financeiro", mas fez questão de frisar que não quer se ela se concretize "a qualquer custo e de qualquer forma".

O presidente defende que a obra tem que ser realizada com "todas as cautelas ambientais".

Em 2013, a associação ambientalista Quercus recorreu ao Tribunal Constitucional para impedir a construção da Cascata do Alto Tâmega.

Anteriormente, a associação interpôs uma providência cautelar para que a Declaração de Impacte Ambiental (DIA), impondo a construção das barragens às cotas mais baixas, seja considerada nula.

Em 2011, a Quercus apresentou uma queixa formal à Comissão Europeia contra o Estado português acusando-o de "violação flagrante" de várias diretivas europeias no mesmo projeto.

A construção deste complexo hidroelétrico faz parte do Plano Nacional de Barragens.

A Iberdrola já pagou ao Estado um prémio de concessão no valor de 303 milhões de euros pela exploração das barragens durante 65 anos.

De acordo com o projeto inicial, o empreendimento, que deveria estar concluído em 2018, deveria ter um total de 1.135 megawatts de potência e uma produção elétrica anual de 1.900 gigawatts/hora.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 10:55

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds