Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Setembro 2014

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


O VALOR DA ORAÇÃO

por Francisco Gomes, Domingo, 07.09.14

" Nunca um homem é tão grande, como quando se põe de joelhos."

A Oração é a elevação da Alma a Deus, é um contato íntimo com aquele que é o nosso provedor, a quem devemos  tudo o que somos e o que temos, Ele que é a própria vida.

Muitas personalidades da História Universal tinham um ponto em comum, a Oração. M. Ghandi não era Cristão, mas tinha muita afeição por Jesus Cristo e pela Bíblia Sagrada. Considerava como um Livro muito importante para a vida. Achava " O Sermão da Montanha, as Bem-aventuranças" como o "máximo" da sabedoria. São dele as seguintes frases: "Não sou um homem de luta, sou um homem de Oração."

Um corpo sem religião é um corpo sem vida." Se a Bíblia fosse perdida e se salvasse "O Sermão da Montanha," nada estaria perdido.

Vários Reis, Cientistas, homens importantes da Humanidade, tinham por hábito "Rezar o Terço." Num Comboio entre Paris e Nantes, um jovem estudante entrou numa cabine, onde se encontrava um ancião já de cabelos brancos, que rezava o Terço. O jovem olhou e perguntou: O senhor ainda acredita nessas velharias? Eu acredito, respondeu o ancião. Você não acredita? Numa época em que a ciência atingiu tão alto estágio, não há mais lugar para isso. Sabe o que diz a nova Ciência? Perguntou o jovem. Eu não respondeu o ancião. Você poderia me explicar o que diz essa nova ciência? Jogue esse "troço" pela janela, de-me seu endereço, que farei chegar ao seu endereço, alguns livros sobre a nova ciência. O Ancião tirou do bolso um cartão que apresentou ao jovem. Ele leu, muito espantado e saiu do compartimento sem dizer nada. No cartão estava escrito: Louis Pasteur, Instituto de Ciências Químicas e Físicas de Paris.

Hoje, época de Internet, Faceboock, Telefone Móvel, Satélites e vários meios de Comunicação Imediata, não há mais condições de entrar em comunicação com Deus. No entanto, a Oração tem um destino certo, Deus. Ela não é um eco que faz voltar aos nossos ouvidos aquilo que falamos, ela vai diretamente para Deus, que a escuta e quase sempre nos responde positivamente.

As  maiores objeções que frequentemente são feitas  à  Oração, é que Deus traça o destino de cada pessoa ao nascer e não seria por meio de simples Orações que o destino seria mudado. "Santo Tomás de Aquino diz: Nós não rezamos para mudar uma decisão de Deus, mas para receber aquilo que desde a eternidade, Ele decidiu nos dar, como resposta às nossas preces." 

Ao longo da história, muitos "Mestres" nos ensinaram a grandeza da Oração. São Francisco de Assis, a personalidade mais importante do Segundo Milênio dizia: " Não é o homem que reza, o homem é a própria Oração." Hoje existem pessoas que além de não rezar, ainda acham ridícula a Oração. Dizem que é melhor ter o Emaill de Deus e enviar-lhe mensagens.

Mas rezar, é reconhecer a Soberania de Deus, é levar até Ele a nossa humildade, e para que Deus também conheça a soberania do Ser Humano. Jesus Cristo, que era o próprio Deus feito Homem, ensinava os seus Discípulos a rezar, como melhor meio de entrar em contato com Deus Pai.

                                                    

Deus abençoe a todos

                                                

Agostinho  Gomes  Ribeiro

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:59

FICA AQUI NUM SÓ POST A PRIMEIRA METADE DOS VÁRIOS POSTS QUE JÁ DEDIQUEI AO 5º CONVÍVIO DA ASSOCIAÇÃO PRAZER DA MEMÓRIA

por cunha ribeiro, Domingo, 07.09.14

 

RESCALDO DO QUINTO CONVÍVIO DA APM - A CRIATIVIDADE EM GRANDE DESTAQUE

Quarta-feira, 13.08.14

 

Vou falar aqui sobre a parte mais engenhosa ou criativa do nosso Convívio deste ano. O Desfile.

 

O Desfile resultou muito bem. Foi sem sombra de dúvidas o momento-chave do nosso convívio. Sem o Desfile o nosso Convívio seria ainda bom, mas obviamente que não seria o mesmo, pois perderia o que houve nele de mais espetacular, mais genuíno, mais próximo do ideal que configura a matriz da nossa Associação: o Prazer da Memória. 

 

 Com efeito tivemos as nossas memórias mais vivas que nunca, ao retratarmos os trajes de época e as personagens que as usaram.  Tivemos também o imenso Prazer de as reviver através de cantigas que a nossa memória nunca esqueceu nem esquecerá. 

 

 Pelo seu excelente trabalho, desde a conceção da ideia, à reunião dos adereços,  e confeção da indumentária feminina, a MANUELA GOMES merece todo o nosso reconhecimento e este destaque. 

 

O meu aplauso e agradecimento ainda pelo grande trabalho que fez, não apenas para que o desfile tivesse tido o sucesso que teve, mas também para que houvesse tanta dinâmica por parte daqueles e daquelas que ela procurou incentivar, tendo-o feito com tanta eficácia.

 

FCR

 _________________________________

 

Opinião de Marília Costa

 

Quarta-feira, 13.08.14

  • ... Soube-me bem ler, no facebook,  estas palavras da Marília Costa do Pontido, a propósito do Convívio :


    Marilia Costa Obrigado Francisco. Foi bom ter ido. Conheci gente (familia) que não conhecia e revi gente que talvez tenha conhecido um dia e não me lembro e outros que sei que conheci, mas era incapaz e sou, de me recordadr das suas caras. Para o ano tens que fazer uma maior promoção. Havia espaço para mais gente. Parabéns também para ti, pois fazes um trabalho que eu e muita gente não seria capaz. Bjs

    3 h · Não gosto · 1
    __________________________

 

CONVÍVIO 2014 - O ASSADO E O(S) ASSADOR(ES)

Quarta-feira, 13.08.14

O quinto convívio da APM teve outra novidade : pela primeira vez na história dos nossos convívios foi assada uma vitela.

 

 

Para que o relato fosse fiel necessitaria de fazer um breve preâmbulo. Porém, a solicitação de alguns colaboradores, e com muito custo da minha parte, vou apenas focar aquela parte mais agradável da coisa:

quem assou a vitela foi, quem o haveria de imaginar, a Fátima Gomes e o filho, Nuno. Diz a opinião maioritária que se saíram muito bem. Para o ano que vem, caso não se opte por outra solução, já teremos esta, caso eles aceitem, a qual foi e será muitíssimo boa.

 

Bem hajam Fátima e Nuno. O nosso Convívio, sem a vossa magnífica participação,  não teria sido tão bom quanto foi.

 

Notável foi também o contributo do João Manuel Pinto (o da ideia), do António de Gouvães, e de um amigo deste da Afonsim que nos permitiram ter o assador (aparelho) para que nessa parte o almoço não ficasse comprometido.

 

O nosso obrigado também aos três.

 

FCR

_______________________

A OUTRA GRANDE NOVIDADE DO CONVÍVIO 2014 - OS "CONTOS DE PARADA"

Quarta-feira, 13.08.14

A Fátima Gomes  gerou dois filhos que são um mimo. De um - o Nuno - já falámos atrás. Mas há outro cujo contributo para o sucesso do Convívio merece especial destaque: é o Cláudio Gomes.

 

Caros amigos, se gostam de assistir a um bom acompanhamento à viola, o Cláudio, filho da Manuela Gomes, é um artista digno de se ver. Se querem apreciar a maestria com que é possível dar vida a meros fantoches, contando histórias como se estivessem a reviver as personagens, assistam a um espetáculo do Cláudio. Único, virtuoso, imperdível. 

 

E até a Fátima Gomes, depois de se libertar do suor da "assadura" logrou fazer com o filho um dueto digno de registo.

 

Parabéns aos dois pela excelência do seu espetáculo de marionetes, o qual nos permitiu reviver figuras da nossa aldeia como o Manuel Geraldo ( meu tio), o Comendador Pedreira, a Tia Albina e Sr Carmim Nogueira, tornando a nossa tarde de convívio ainda mais agradável.

 

FCR

 _______________________

 

E TIVEMOS ENERGIA DE GRAÇA

Quinta-feira, 14.08.14

 

 Se este ano as contas da Associação melhorarem isso também se ficará a dever ao contributo oportuno e eficaz do JOÃO MACHADO RIBEIRO que forneceu a energia elétrica que alimentou os vários eletrodomésticos do bar. De salientar também a prestimosa colaboração do Manuel Agostinho Campos que cedeu toda a energia elétrica para o som e a luz. 

 

A Associação, reconhecida, agradece aos dois o seu essencial contributo.

 

 

FCR

________________

 

Agostinha Nunes dos Reis - O Grande Reforço da Associação

Quinta-feira, 14.08.14

 

 Desde a Feira do Granito, a Agostinha foi um elemento incansável nos trabalhos da Associação. Ela e o marido, José, ajudaram imenso a APM.  Por isso merece este destaque e o agradecimento pela sua entrega à causa da Associação. Um grande Bem Haja à AGOSTINHA NUNES DOS REIS e ao JOSÉ, seu marido pela participação que tiveram.

 

FCR

 ____________________

 

A Cobertura do Recinto

Quinta-feira, 14.08.14

A Cobertura foi mais uma vez coordenada pelo JOÃO MACHADO RIBEIRO o qual novamente  teve a coadjuvação mais que eficaz do JOSÉ GOMES. Os dois, com a ajuda atenta do MANUEL PINTO e do "dono da Escada", JOAQUIM RIBEIRO, estenderam no céu do recinto a cobertura melhor conseguida desde que estes convívios se iniciaram. 

 

Toda esta equipa merece pois que aqui lhe registemos o nosso agradecimento. 

___________

 

A Cândida, mais uma vez excelente na ajuda à Associação

Quinta-feira, 14.08.14

Toda a gente conhece este nome. A CÂNDIDA esteve de novo de corpo e alma com a Associação. Este ano desde a Feira do Granito. Aquela exclusiva e contínua boa disposição, aquela permanente entrega fazem da CÂNDIDA uma espécie de talismã da Associação. Ela deu-nos mais uma lição de como devemos trabalhar em grupo. Sem intrigas, sem por em causa o trabalho de ninguém, sempre à procura do bem comum da Associação, a Cândida só teve um contratempo, ou azar, que também foi nosso, mas que a afetou muito, tenho a certeza. Depois de ter encontrado uma solução radiante para o desenrolar perfeito do nosso convívio, essa solução transformou-se num enorme problema para resolver. Felizmente, nesse momento difícil, a MANUELA salvou-nos encontrando de imediato uma solução que viria a resultar em grande, e o barco da Associação continuou de vento em popa, na crista da onda.

 

À CÂNDIDA PINTO, ao marido, JOÃO PINTO, que sempre a apoiou, e novamente à MANUELA GOMES o nosso reconhecimento, e o nosso bem haja.

 _______________________

 

Especial agradecimento à Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar

Quinta-feira, 14.08.14

 

 Por nos ter cedido as cadeiras e as mesas para o nosso evento.  Como estas últimas eram em número insuficiente, saliente-se que mais uma vez o Restaurante " A Reta" nos forneceu as mesas necessárias para completar esta carência.

 

O nosso obrigado à CMVPA na pessoa da Paula Vaz (sempre eficaz) e dos funcionários que trouxeram e levaram o referido mobiliário.

 _______________________

A Presença do Sr Presidente da Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar no Largo de S. Pedro, em Parada de Aguiar

Quinta-feira, 14.08.14

 

O Dr Alberto Machado mostrou mais uma vez que está atento ao pulsar da nossa Associação. A comparação com o seu antecessor é-lhe claramente favorável.  O Dr Domingos Dias não nos ouvia, não nos "lia", nem nos respondia; o seu sucessor ouve-nos, lê-nos e responde-nos. O Dr Domingos Dias relacionava-se connosco desde um pedestal, usando óculos escuros; o seu sucessor desceu do estrado e caminhou até nós. 

 

Com esta postura do Presidente da CMVPA, e com as ajudas que finalmente nos vêm, é óbvio que a nossa Associação só pode almejar um futuro melhor.

 

___________________

 

A Visita do Dr José Carlos Rendeiro

Quinta-feira, 14.08.14

 

 Ao contrário de outros paradenses, de que não vou falar, o líder da oposição à CMVPA, nosso conterrâneo e associado, veio a S. Pedro pagar a quota e marcar a "sua" presença.

 

 Claro que não vou omitir que gostaria de o ver do princípio ao fim junto de nós. Apesar disso, fica o positivismo do gesto.

 

 Tive aliás a oportunidade de lhe dizer que gostaria que quem está com a associação o estivesse de facto, "com os dois pés dentro". Como é inteligente e sereno entendeu a mensagem cordialmente.

 

 Esperemos que o José Carlos Rendeiro possa vir a conversar e a colaborar de forma franca e aberta connosco de agora em diante.

 

 

FCR

__________________________

Aprígio Pereira Teixeira - o nosso Bombeiro (sempre) de serviço

Quinta-feira, 14.08.14

 

 A síntese para o contributo do APRÍGIO DIAS, numa palavra ? 

 Impecável.

 Como sempre, na Feira do Granito, ou no  Convívio; de manhã , ou de tarde; à noite, ou de madrugada; o APRÍGIO DIAS está lá para nos ajudar. ele é o transporte da arca, ele é o transporte de mesas e de cadeiras, ele é o tranporte dos assadores...

 

 Acresce a tudo isto, o facto de, este ano, o APRÍGIO ter estado limitado fisicamente devido a um pequeno acidente que teve. Pois sim, ..., mesmo a mancar o Aprígio segurava, levava, ajudava.

 

 Mais..., sempre, sempre, bem disposto, o Aprígio nunca mostra má cara no esforço que se lhe pede, no sacrifício que se lhe "exige".

 

 O APRÍGIO DIAS, caros amigos, nunca está à hora do almoço . Prefere estar sempre à hora de o preparar e de o arrumar.

 

 

Um grande Bem Haja a esta figura ímpar da nossa Associação, e rápidas melhoras.

 

FCR

________________________________

 

Famílias Ferreira, Gomes e Cunha/Portelinha, as mais presentes neste Convívio

Quinta-feira, 14.08.14

 

 Queria aqui destacar as três famílias mais numerosas e persistentes a marcar presença contínua no nosso Convívio: a família FERREIRA continua a ser a mais numerosa; a Família GOMESe a família CUNHA/PORTELINHA vêm logo a seguir.

 

FCR

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 17:52

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg


subscrever feeds