Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Junho 2017

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


EU TE AMO

por Francisco Gomes, Quarta-feira, 21.06.17

Sempre me questiono quanto à origem desta expressão, eu te amo. Nos meus tempos de adolescente e jovem, não me lembro ter ouvido esta frase de ninguém. Quando já adulto passei a ler alguns Clássicos da Literatura Portuguesa, como Eça de Queirós, li vários romances, li também Camilo Castelo Branco, Guerra Junqueiro, Almeida Garrett, Alexandre Herculano e outros. Em nenhum romance que li, encontrei esta frase “Eu TE Amo”.

Passei a ler também alguns autores brasileiros como Machado de Assis, Jorge Amado, Erico Veríssimo, Euclides da Cunha, José de Alencar e outros. Em nenhum também li esta frase. Em contato com meus familiares e alguns amigos, também nunca me lembra ter ouvido esta expressão. Como de repente passei a escutá-la e a lê-la em poemas da literatura moderna, despertou a minha curiosidade em descobrir como, de onde, surgiu esta expressão, tão suave, “Eu Te Amo.”

Consultei um amigo, professor de Literatura da Universidade Federal, ele com toda a sua autoridade literária, disse-me que esta expressão, eu te amo, é de origem recente, surgiu na Língua Portuguesa, sem que se soubesse de quem era a autoria. Disse ainda que é uma influência  do cinema americano. Passou a ser muito badalada, por alguns poetas modernos e compositores de musicais. Então eu lembrei de uma música de Noel Rosa, onde ele reclamava disso. “ O amor lá no morro, é bom para chuchu, mas no meu samba, não tem I love you.

O amor sempre existiu, mas muito simples e recatado, que não era preciso falar nele a todo o momento. Lembro-me de uma música  composta por Dolores Duran, “A Noite do Meu Bem”, cuja letra me deixava emocionado, isto porque, Meu Bem, a gente escutava em todos os lugares. Não seria um modo diferente de dizer “Eu Te Amo”? Realmente, quem começou a introduzir no cenário brasileiro o eu te amo, foi o poeta e compositor Vinicius de Morais. Escreveu um poema que dizia assim: “Amo-te tanto meu amor, entenda este humano coração, amo-te como amigo, como amante, quero-te aqui na minha mão.”

 Confesso que não entendi nada do que o poeta escreveu. Mas, conclui que amo-te, é a mesma coisa de eu te amo. Alguém tem alguma dúvida?.

    

Deus abençoe a todos

         

Agostinho Gomes Ribeiro

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:32

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg