Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Outubro 2019

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031


página de fãs


Pesquisar

 

Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


Farpas

por cunha ribeiro, Terça-feira, 21.01.14

 

Eusébio

Graças ao seu talento incomum, ao seu profissionalismo e humildade, Eusébio logrou alcançar um nível de excelência profissional, social e humana de tal modo extraordinário que as portas do panteão nacional lhe estão já escancaradas. Da estatura do mito, Eusébio jamais será arreado do seu pedestal, mesmo que seres como Mário Soares lhe cuspam na personalidade, tentando denegrir um herói verdadeiramente nacional, quem sabe se por temer que o Pantera Negra lhe possa vir a fazer sombra  no areópago dos imortais.

 

Iluminação de Natal

 Soube pelo irmão do Presidente da Junta de Soutelo de Aguiar, Manuel Almeida, que a freguesia a cuja junta o irmão preside, teve, no concelho aguiarense, o exclusivo da iluminação natalícia. E que a dita não foi paga pelo orçamento municipal, mas pelo doméstico (ou seja, da própria freguesia). Cheguei ingenuamente a pensar que a Câmara Municipal de VPA tinha inovado, distribuindo, com democrática atenção e criterioso carinho, iluminação natalícia por todas as freguesias do nosso Concelho. Qual quê? Mais uma vez se subalternizaram os aldeãos, ou “fregueses”, deixando-os sem iluminação natalícia, para iluminar profusamente as “Prima Donas” Pedras e Vila Pouca de Aguiar. 

 

Não vale a pena voar

Num artigo do Expresso, um colunista afamado escreveu, com pertinência e bom senso, sobre a praga social que é o abandono dos idosos, sobretudo no Fim de Ano. Num tempo em que certos animais têm tratamento humano, e alguns homens tratamento animal, é óbvio que, não obstante ser giro e festivo voar para estâncias turísticas aprazíveis na passagem de ano, o nó na garganta por deixarmos os entes queridos sozinhos em casa, ou mesmo num Lar, por mais conforto que este lhes proporcione, deveria ser sintoma comum a quem os abandona. E se o local escolhido for uma estância de neve, só um coração frio poderá suportar, sem qualquer amargura ou degelo, a neve fria.

 Não vale a pena voar quando as asas nos doem mais que os pés que nos ligam ao chão.

 

Sim, é Verdade!

A Câmara de Vila Real vai ter em 2014 o orçamento mais baixo dos últimos 15 anos. Esse orçamento terá o valor de 32 milhões de euros, e irá dar prioridade à área social. Quem o afirmou foi o seu presidente, Rui Santos. O qual disse ainda que tal representa um decréscimo de 13 milhões de euros comparativamente com 2012 (45 milhões de euros). A mim não me parece anormal que as Câmaras cortem despesas em tempo de crise. Parece-me aliás muito sensato. Por isso só posso concordar com estas medidas. Porém, o que fez Vila Pouca? Sendo, como é, um Município com quase metade da população, esperar-se-ia que Vila Pouca seguisse raciocínio idêntico a Vila Real, e reduzisse o seu orçamento para números proporcionais. Mas não. Vila Pouca mandou o princípio da proporcionalidade às urtigas e terá, não um orçamento pela metade do de Vila Real, mas antes quase da mesma dimensão do da capital transmontana, isto é, na ordem dos 30 milhões de euros (29.984.475,00€).

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 13:45

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes


Posts recentes



IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg