Created by Watereffect.net Created by Watereffect.net

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BLOGUE PARADA DE AGUIAR - Mais sobre mim


Colaboradores - Clique nas fotos para aceder aos textos de cada Colaborador

ela, 2. antonio candido . 8341659518_ecc98db9f2_m . Cândida dos Reis Dias Pinto . minha foto. agostinho ribeiro . agostinho . francisco gomes .

calendário

Fevereiro 2016

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
2829


CONTADOR DE VISITAS


contador View My Stats

página de fãs


Pesquisar

 

sitemeter


Google Maps


Ver mapa maior

PARADA DO CORGO

viveiro em 1987


ZELAR PELA VIDA

por Francisco Gomes, Quinta-feira, 25.02.16

É muito bom zelar pela nossa vida,  pela nossa decência e pela nossa moral. Muitas pessoas zelam mais pela vida dos outros, do que da sua própria. Todos gostam de ser bons zeladores, principalmente aqueles que zelam pelas coisas públicas, como governos e outros cargos de responsabilidade. Para que haja uma sociedade justa, fraterna e responsável é necessário que haja um verdadeiro zelo na tomada de atitudes. A verdadeira zeladoria é indispensável, pois ela cuida, promove e se preocupa com o bem estar da sociedade.

No entanto, é bom ficar atentos, porque a palavra “zelo” é originalmente uma palavra grega e quer dize “Ciúme”. Na Bíblia encontramos várias frases sobre o zelo e o ciúme. O próprio Deus se declara como um Deus ciumento, isto é, zeloso por nós. “ O zelo pela casa de meu Pai, me consome”. Para nós existe uma grande diferença entre o zelo e o ciúme. Enquanto o zelo cuida e promove, o ciúme encontra terreno na posse obsessiva. Ser uma pessoa ciumenta não é o mesmo que ser uma pessoa zelosa. Uma pessoa zelosa tem prazer de mostrar o produto do seu zelo, ao passo que uma pessoa ciumenta esconde e quer só para si o objeto do seu ciúme, não permite que ninguém tenha contato com ele.

O ciúme obsessivo se caracteriza como uma doença, que ás vezes, se torna perigosa. Muitas tragédias já aconteceram, muitas famílias já se desmantelaram por causa dos ciúmes. Um ser humano ciumento é uma pessoa doente, sofre de suspeitas infundadas. Por isso que o ciúme é muito diferente do zelo. Zelar por algo é manter a integridade, nunca permitir que seja ridicularizado, que seja sempre respeitado e preservado. Já o ciúme é um sentimento muito perigoso, pois mata a certeza do amor entre dois seres. O zelo é sinônimo de felicidade, o ciúme gera desconfiança. Onde houver desconfiança não pode haver felicidade. O ciumento vê fantasmas na sua frente, por isso ele é muito triste e desconfiado, nunca vive em liberdade.

                                                        

Deus abençoe a todos

                                                   

Agostinho  Gomes  Ribeiro 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 20:54

Capela de Parada de Aguiar e Rua do Arco, com ef. especiais


Created by Watereffect.net
Created by Watereffect.net


Comentários recentes




IMAGENS DA NOSSA TERRA

CLIQUE NA FOTO PARA ACEDER À GALERIA DE IMAGENS DE PARADA DE AGUIAR parada em ponto grande para imagem de fundo.

GENTE DA NOSSA TERRA

minha imagem para.jpg